Domingo, Novembro 19, 2017

BRASO NOVO - 2015 e 2016

Este é o site da Paróquia do Rosário de
Campina Grande, Paraíba, Brasil

Através deste site, a ativa comunidade da paróquia interage, obtém informação e usufrui de serviços web voltados para a religiosidade que cerca suas atividades. Explore nosso site, começando pela página de nosso brasão, criado na comemoração do jubileu de 70 anos de existência da paróquia.

Conheça Nosso Brasão

Agenda é um recurso útil para quem não conhece a rotina da paróquia e para quem quer saber sobre eventos correlatos.

Nosso site agora apresenta uma agenda integrada com o Google, de modo a mostrar informações sobre atividades rotineiras e sobre eventos especiais de forma mais amigável e mais clara, inclusive com mapas dos locais associados.

Confira a Agenda

"Uma imagem vale por mil palavras."

O site da Paróquia do Rosário inovou na apresentação de suas fotos, facilitando o acesso às imagens e aprimorando o uso deste recurso.

Mais detalhes

dest_youtube

“Se uma imagem vale por mil palavras, quanto valerá um vídeo com uma mensagem valorosa?”

O site da Paróquia do Rosário passa a indicar sites de vídeos publicados no YouTube, com destaque para vídeos relacionados com a Igreja Católica e temas afins. Acesse nossa página de vídeos e veja o acervo que disponibilizamos para você.

Vídeos Recomendados

"Em uma sociedade cada vez mais digitalizada, devemos
seguir pelos mesmos caminhos do nosso rebanho para prosseguir a evangelização."

A Paróquia do Rosário marca sua presença no Twitter, para manter estreita a comunicação com os seus seguidores virtuais. Visite nossa página do Twitter e nos acompanhe nesta caminhada.

Visite nosso Twitter

"O dízimo é um ato de fé. É a prova de que acreditamos que tudo que temos vem de Deus."

Visite nossa página dedicada ao Dízimo, que é muito mais do que uma simples contribuição material para a sua comunidade religiosa.

Saiba Mais

"Nós temos os líderes que merecemos, pois somos nós, através do voto, que elegemos estes líderes.

A Igreja Católica tem uma posição muito bem definida quanto a importância do ato cívico de votar. O eleitor deve ter em mente a importância do sufrágio para o futuro dele, de sua família e da sociedade onde está inserido.

Leia Mais

BISPO DIOCESANO - POSSE 02.12.2017

Vídeo em Destaque

You need Flash player 6+ and JavaScript enabled to view this video.

Playlist: 0 | 1 | 2 | 3

SANTA MISSA EM SEU LAR

SANTA MISSA EM SEU LAR

PLAY - AOS SÁBADOS ÀS 19h30MIN (TV ITARARÉ)

 

Jesus olha para mim nos meus olhos e diz paternalmente: "Já estou em teu coração, basta que faças silêncio e escutes quando te falo no mais intimo de teu coração."CORAÇÃO DE JESUS - PE ASSIS

 

 

“Eu estarei convosco, todos os dias, até o final dos tempos”, disse Jesus. Mas, Jesus mostra que o caminho para reconhecê-lo, não é fácil, porém está ao alcance de quem quiser encontrar-se com Ele e seu Reino.

Isto significa que o Reino está no coração daquele que crê. No entanto, devido ao dom da nossa liberdade, existe um terreno no qual Ele não pode reinar, que seu Reino não pode entrar se não lhe abrimos espaço. Esse terreno é o nosso coração, a nossa vida. Deus nos ama tanto que não é capaz de forçar-nos a amá-lo. É um ato que deixou à liberdade da pessoa humana: Amar ou rejeitar Deus.

Seja como for, essa presença não é ostensiva, é discreta, é como a da semente e do fermento: sem visibilidade, sem ostentação, no escondimento, na humildade. O Reino não só pode ser localizado aqui ou ali, mas também não deve ser lamentado com saudade ou sonhado como previsível futuro. Deve, ao contrário ser vivido como presente na pequenez, no sofrimento e no escondimento.

Leia mais...

Dia de FinadosREDAÇÃO CENTRAL, 02 Nov. 17 / 04:00 am (ACI).- Após comemorar a Solenidade de Todos os Santos, os católicos celebram neste 2 de novembro os Fiéis Defuntos, recordando todos aqueles que já deixaram este mundo.

A celebração dos Fiéis Defuntos é oferecida, em particular, pelas almas do purgatório, onde estão para expiar os pecados veniais ou para satisfazer a pena temporal devida aos seus pecados.

O Catecismo da Igreja Católica recorda que os que morrem em graça e amizade de Deus, mas não perfeitamente purificados, passam depois de sua morte por um processo de purificação, para obter a completa formosura de sua alma.

A Igreja chama de Purgatório essa purificação e, para falar que será como um fogo purificador, apoia-se na frase de São Paulo: “A obra de cada um aparecerá. O dia (do julgamento) demonstra-lo-á. Será descoberto pelo fogo; o fogo provará o que vale o trabalho de cada um”. (1Cor 3, 13).

Leia mais...

Redação (Sexta-feira, 27-10-2017, Gaudium Press) Entre 26 de novembro de 2017, Solenidade de Cristo Rei, até 25 de novembro de 2018, a Igreja Católica do Brasil celebrará o Ano Nacional do Laicato, inspirado na temática "Cristãos leigos e leigas, sujeitos na ‘Igreja em saída', a serviço do Reino" e no lema "Sal da Terra e Luz do Mundo", (Mt 5,13-14).

ANO NACIONAL DO LAICATO

O anuncio do Ano do Laicato está sob à luz do pedido do Papa Francisco, de fazer crescer "a consciência da identidade e da missão dos leigos na Igreja".

O intuito geral como Igreja é celebrar a presença e a organização dos cristãos leigos no Brasil, assim como aprofundar a identidade, vocação, espiritualidade e missão e testemunhar Jesus Cristo e seu Reino na sociedade.

Além disso, o Ano do Leigo pretende dinamizar o estudo e a prática do Documento 105 da CNBB, sobre "Cristãos leigos e leigas na Igreja e na Sociedade", bem como demais arquivos do Magistério, em especial do Papa Francisco, sobre o Laicato, e estimular a presença e a atuação dos cristãos leigos como "sal, luz e fermento" na Igreja e na Sociedade.

Leia mais...

Saudações, Campina Grande!DOM DULCÊNIO

 

Palmeira dos Índios, 11 de outubro de 2017,

                                                                     

Memória de Nossa Senhora Mãe da Divina Graça e de São João XXIII.

Caros Sacerdotes, Religiosos e Diocesanos de Campina Grande,

Quis a Divina Providência, através do Sumo Pontífice, Papa Francisco, nesta manhã, nomear-me Bispo Diocesano de Campina Grande, sem mérito algum de minha parte. A partir desta surpresa, é que desejo, tão logo, dirigir-me em breves palavras ao povo que será a minha Grei por ser antes de Cristo Pastor, a quem representarei.

Estava, fisicamente, em vosso meio – com maior exatidão, na Assembleia do Regional Nordeste 2, em Lagoa Seca –, quando, no último 26 de setembro, fui informado pelo senhor Núncio Apostólico no Brasil, Dom Giovanni d’Aniello, que o Santo Padre me havia designado para conduzir a Igreja particular de Campina Grande. Ao perguntar-me da minha declinação à proposta, fui claro na resposta: “- Senhor Núncio, no Pai-nosso, sempre digo: ‘Seja feita a Vossa vontade’. Se é vontade de Deus e do Santo Padre, aceito!”. Ao que fui encorajado pelo Núncio: “- Vossa Excelência não é tão devoto de Nossa Senhora?! Ela o ajudará”. E logo, fui unindo às ideias o fato do patrocínio de Nossa Senhora da Conceição sobre a Cidade e a Diocese de Campina Grande, como uma confirmação de que Ela me auxiliará.

Leia mais...

Colunista comenta indicação do novo bispo de Campina Grande

DOM-DULCÊNIO- aparte

 

17/10/2017 às 21:54

Fonte: Da Redação*

Devoto de São João XXIII, o papa que na segunda metade do século passado sacudiu a milenar Igreja Católica com a convocação do vigoroso Concílio Vaticano II, Dom Dulcênio Fontes de Matos foi ungido pelo papa Francisco, dias atrás, à condição de 8º bispo da então vacante Diocese de Campina Grande – a ´Sé da Borborema´, como se costuma dizer no ambiente católico.

A ´caneta´ que nomeia bispo tem o timbre do papa, mas é uma escolha ´depurada´ em algumas etapas, com a participação direta (e decisiva) do Núncio Apostólico – espécie de embaixador do Vaticano nos países.

É esse Núncio (Dom Giovanni d’Aniello é o atual no Brasil) que houve bispos e sacerdotes da região na qual se encontra a diocese a ser ocupada, como também avalia e pondera perfis que se harmonizem com as realidades locais.

Apesar de não haver qualquer confirmação oficial nesse sentido, tem um peso diferenciado na escolha final feita pelo papa a opinião e as sugestões de nomes do antecessor de cada diocese – no caso presente, o arcebispo Dom Manoel Delson.

Pouco se sabe do novo prelado campinense em termos de estilo e de condução pastoral, mas as suas primeiras declarações sugerem um religioso disposto a encurtar o quanto possível a sua distância dos diocesanos.

“Confesso que não esperava essa noticia para ser bispo da Diocese de Campina Grande. Porém, a minha missão de pastor é estar atento ao chamado de Deus”, proclamou em sua fala inicial ao seu novo rebanho.

Dom Dulcênio frisou que “rezo o Pai Nosso todos os dias e digo a Deus seja feita a Vossa Vontade. E é com esse espírito que vou para Campina Grande: fazer a vontade de Deus”.

FONTE : PARAIBAONLINE

MISSAS NO ROSRIO - HORRIOS

papa

ADMINISTRADOR DIOCESANO

PADRE APARECIDO - FOTO COMPLETA

Mensagem da Semana

PADRE MRCIO HENRIQUE

ESPAÇO DE EVANGELIZAÇÃO

biblia

COMUNIDADE RAINHA DA PAZ

CAPELA RAINHA DA PAZ  foto

Meu Dia de Oração

oracao

Clima Tempo

 

CATEQUESE COM O PAPA

BRASO DO PAPA FRANCISCO

Visitantes On-Line

Nós temos 118 visitantes online

Contador de Visitas

01173962
 

Webmail

Rosário no Twitter

 

Acesso Restrito